terça-feira, 9 de janeiro de 2018

Retranca FC 0x2 Real Universitário FC


PRA FECHAR COM DERROTA!
Encerrando o ano, o Retranca perde amistoso contra o Real Universitário por 2x0.
Retranca encerra temporada de 2017 com derrota

Para encerrar a temporada 2017, o Retranca marcou um amistoso no Campo do Cruzeiro contra o Real Universitário, equipe formada por excelente jogadores, alguns com base no profissional, como o caso do ex Retranca, Fumaça. Do lado do Retranca a estreia do reforço pra LIFA, Robertinho e dos amigos Edinho que já defendeu as cores do Exército Dourado e Francis, responsável pela escolinha de futsal, Real Futsal.

O Retranca entrava em campo com Paulinho; Edinho, Gerson e Zanatta, Guilherme; Alex, Francis, Pontiolli, Ceará e Robertinho; Higor. Xilipoka era o suplente.

Aos 18 minutos o Real Universitário abriu o placar após marcação de um pênalti bastante contestado pelo Retranca.

O Retranca criava poucas oportunidades e termina com o placar mínimo a primeira etapa.

Logo aos 2 minutos da segunda etapa o Real amplia após erro na marcação do sistema defensivo do Retranca.

O Retranca até tem algumas oportunidades, mas em clima de despedida da temporada, o jogo cai de produção e o adversário vence por 2x0.

A próxima partida do Retranca será a Recopa da LIFA, dia 14/01 contra o Paraná, a Recopa abriga o Campeão da Copa da LIFA contra o campeão da Liga.

RETRANCA FC 0X2 REAL UNIVERSITÁRIO FC
Retranca FC: Paulinho; Edinho, Gerson e Zanatta, Guilherme; Alex, Francis, Pontiolli, Ceará e Robertinho; Higor. Suplente: Xilipoka

segunda-feira, 27 de novembro de 2017

Retranca FC 1(1)x(3)1 Falkatrua FC


Férias forçadas!
Retranca perde nos pênaltis para Falkatrua e fica sem chances de troféu na LIFA 2017.

Retranca ficou sem chances de faturar qualquer prêmio na LIFA 2017
Após passar a mágoa pela desclassificação para a briga da Série Ouro da LIFA, havia ainda a possibilidade de chegar na final da Série Prata, para isso, precisaria vencer o Falkatrua.

O técnico Augusto escalava: Paulo; Alex, Gerson e Guilherme; Zanatta, Pontiolli e Rafa; Higor. Thiago Assis, Leco e Xilipoka eram os suplentes.

O Retranca começa melhor e oferece os maiores perigos ao gol adversário, mas o goleiro do Falkatrua começa a se tornar o personagem da partida salvando sua equipe com defesas importantes.

Um primeiro tempo, muito brigado, mas com poucas oportunidades chega ao fim e a ordem do técnico Augusto era partir pro tudo ou nada na segunda etapa.

Logo a 1 minuto de jogo, Higor faz bela jogada e sozinho, perde excelente oportunidade chutando pra fora.

Aos 2 minutos Rafa recebe na frente da área e toca por cima, Higor cabeceia e o goleiro adversário faz um milagre.

Aos 10 minutos, Leco chuta e o zagueiro do Falkatrua desvia a bola com a mão, pênalti marcado pela arbitragem, na cobrança Higor não desperdiça e coloca o Retranca em vantagem.

O que era para comemorar, torna-se trágico no lance seguinte, aos 12 minutos, Gerson erra na saída de bola e entrega o empate de graça para o adversário.

O Retranca a partir daí pressiona e sufoca o adversário, mas perdendo várias oportunidades vê a decisão ir para as penalidades.

O Falkatrua começa e bate no centro do gol e Paulinho cai para a direita, Leco bate no ângulo e deixa tudo igual. Na segunda cobrança a bola no angulo de Paulinho, ele até tenta segurar mas a bola foi forte. Xilipoka bate pra fora, desperdiçando o empate, na cobrança seguinte, o Falkatrua faz 3x1 e elimina o Retranca definitivamente da LIFA.

RETRANCA FC 1(1)X(3)1 FALKATRUA FC
Retranca FC: Paulo; Alex, Gerson e Guilherme; Zanatta, Pontiolli e Rafa; Higor. Suplentes: Thiago Assis, Leco e Xilipoka.
Gol: Higor.


terça-feira, 14 de novembro de 2017

Retranca FC 0x1 Paraná FC


Vexame!
Retranca precisava apenas vencer e com nova derrota é eliminado e fica apenas na décima posição da LIFA, lutará pelo título da Série Ouro.
Retranca do capitão Rafa não consegue vencer e cai para a Série Prata da LIFA

O grupo antes de entrar em campo sabia que a tarefa seria difícil, vencer o campeão da LIFA 2016 e depender de outros resultados, mas enquanto houvesse chance todo o elenco falava a mesma coisa...vencer primeiro.

Com Paulo; Alex, Zanatta e Batata; Pontiolli, Rafa e Ceará; Marcelo era a equipe que iniciava. Gerson, Mario, Juliano e Thiago Assis eram os suplentes.

A 1 minuto de jogo, Alex tenta um lançamento mas por pouco a bola não entra, obrigando o goleiro do Paraná fazer uma boa defesa.

Aos 5 minutos Alex erra na marcação e Paulinho faz uma defesa incrível, salvando o Retranca.

Aos 10 minutos num chute cruzado de Alex por pouco o Retranca não abre o placar.



Aos 13 minutos Ceará recebe no meio e chuta forte, a bola passa raspando a trave direita do Paraná.



Aos 19 minutos Ceará livre se enrola com a bola e não consegue o chute, perdendo boa oportunidade para o Retranca.

Aos 20 minutos Ceará rouba bola no meio, toca para Rafa, que devolve para Marcelo tocar para Rafa chutar na saída do goleiro adversário, mas a bola sai.

Não havia tempo para mais nada, no intervalo os atletas e o técnico Augusto conversam para ir para o tudo ou nada na segunda etapa, cuidando da defesa e trabalhando com mais cautela e objetividade no ataque, mas é o Paraná que entra melhor, sem o peso de precisar vencer pressiona um Retranca desesperado em ver o tempo passar e não conseguir marcar seu gol.



Somente aos 14 minutos, Paulinho sai jogado com Pontiolli que acerta um lindo lançamento para Marcelo ajeitar para Rafa, livre, de frente pro gol matar a bola no peito e isolar por cima do gol, a bola não queria entrar.

Aos 18 minutos Rafa da bom toque para Marcelo que se atrapalha com a bola e perde boa chance de ataque.

Aos 24 minutos, com o time inteiro no ataque o Paraná aproveita a zaga desarrumada para abrir o placar, despachar o Retranca e deixar na décima colocação.

O Retranca agora enfrenta o Falkatrua nas Quartas de Finais da Série Prata.

RETRANCA FC 0X1 PARANÁ FC
Retranca FC: Paulo; Alex, Zanatta e Batata; Pontiolli, Rafa e Ceará; Marcelo. Suplentes: Gerson, Mario, Juliano e Thiago Assis.


quinta-feira, 2 de novembro de 2017

Retranca FC 1x2 Argentina FC


Esperando Milagre!
Retranca faz boa partida contra a Argentina, mas por dois erros é castigado e perde por 2x1, saindo do G8 e precisando de resultados de outras partidas na última rodada.
Retranca novamente faz boa partida, mas sai derrotado e vê sua situação dramática.

Desesperado por estar a seis partidas sem saber o que é vitória na LIFA, precisava dessa vitória na penúltima rodada para garantir sua vaga na próxima fase, porém, do outro lado, uma Argentina precisando do mesmo.

Com Elikis; Alex, Zanatta e Leco; Pontiolli, Batata e Ceará; Juliano era a equipe que iniciava. Thiago Assis e Gerson eram o suplentes.

A partida começa bastante movimentada, mas ambas as equipes se estudavam, ou seja, cautela.

O Retranca era melhor quando aos 7 minutos o sistema defensivo fica assistindo e a Argentina abre o placar.

Após o gol o Retranca melhora, pressiona e por pouco não abre o placar com Ceará aos 13 minutos e Batata num chute colocado aos 16 minutos.

Aos 21 minutos, Pontiolli arrisca chute de longe, a bola vai no ângulo e o goleiro da Argentina faz linda defesa, Thiago Assis bem colocado empurra pro fundo do gol e sai comemorando com todo o grupo.

No intervalo o técnico Augusto conversa com seus atletas, pedindo cautela e mais atenção tanto no ataque quanto na defesa.

O Retranca melhora, pressiona, perde boas oportunidades como aos 16 minutos num rebote que Thiago Assis chuta o travessão.

O castigo vem aos 23 minutos, numa cobrança de escanteio a Argentina marca um gol olímpico, o Retranca ainda tenta correr atrás do prejuízo, mas era tarde, Argentina vence por 2x1 e fica próxima da classificação.

Para se classificar, o Retranca precisa vencer bem o Paraná na última rodada e depender que Argentina, Biela Torta ou Jardim Itália não vença suas partidas.

RETRANCA FC 1X2 ARGENTINA FC
Retranca FC: Elikis; Alex, Zanatta e Leco; Pontiolli, Batata e Ceará; Juliano. Suplentes: Thiago Assis e Gerson.
Gol: Thiago Assis.

quinta-feira, 26 de outubro de 2017

Retranca FC 1x2 São Leopoldo FC


Dor!
Debaixo de muita chuva Retranca joga bem, perde muitas oportunidades, mas perde para São Leopoldo e está fora do Campeonato Regional de Gaspar.


Retranca faz grande partida mas é eliminado de Gaspar

A expectativa era grande, a motivação também, mesmo caindo uma chuva densa o Exército Dourado acreditava na vitória diante de um São Leopoldo que surpreendeu e terminou lider de seu grupo na primeira fase e se o Retranca quisesse a vaga para as Quartas de Finais, teria que jogar muito.

Com Lucas; Gui, Alex e Leco; Henrique, Rafa e Ceará; Marcelo era a equipe que iniciava. Paulo, Mario, Claudinho, Pontiolli e Batata eram os suplentes.

A partida inicia e o Retranca já arrisca seus primeiros contra ataques diante de um adversário bem organizado defensivamente.

Mas somente aos 18 minutos vem a primeira oportunidade num cruzamento para Claudinho por pouco não abrir o placar.

Aos 25 minutos Alex sai jogando errado e no contra ataque mortal o adversário abre o placar.

No intervalo os atletas conversam e pedem mais concentração nas jogadas de ataque pois estavam melhor no jogo e o gol era questão de tempo.

O Retranca melhora e já começa a ter boas oportunidades de gol, mas somente aos 15 minutos, Claudinho cobra falta de longe, com força e a bola morre no fundo do gol, era o empate.

A partir desse momento o Retranca castiga o adversário e pressiona em busca da virada, mas o castigo vem logo aos 18 minutos num erro de marcação de Batata, 2x1 São Leopoldo.

Após o gol o Retranca se manda para o ataque ainda acreditando no empate, mas o adversário jogava junto com a sorte e o gol não sai, Retranca eliminado. Após a partida era nítido o abatimento por todo o grupo, mas garantiram que em 2018 voltarão mais forte e experientes.

RETRANCA FC 2X1 SÃO LEOPOLDO FC
Retranca FC: Lucas; Gui, Alex e Leco; Henrique, Rafa e Ceará; Marcelo era a equipe que iniciava. Paulo, Mario, Claudinho, Pontiolli e Batata.
Gol: Claudinho.


terça-feira, 17 de outubro de 2017

Retranca FC 1x1 Tamo Junto FC


Jejum continua...
Em partida equilibrada contra o Tamo Junto, Retranca joga bem, perde boas oportunidades e empata outra na LIFA 2017.


Diante de um forte Tamo Junto, Retranca faz boa partida mas fica no empate

O Exército Dourado precisava vencer de qualquer jeito para carimbar a classificação para a próxima fase, porém, o adversário, Tamo Junto que fez a final da Copa da LIFA contra o Retranca, lutava pela vitória para brigar pela liderança da competição. 

No Retranca a reestreia do técnico Augusto no comando da equipe que escalava, Paulo; Rafa, Zanatta e Alex; Batata, Ceará e Rafa; Juliano. Xilipoka e Gerson eram os suplentes.

O Retranca iniciou a todo vapor e em cinco minutos chegou com perigo três vezes, com Juliano, Zanatta e num lindo chute de Batat que explodiu no travessão.

Aos 18 minutos, Paulinho sai com Zanatta, que lança Juliano, que domina ajeita para Leco, que toca para Batata, que toca para Ceará rola de primeira para Leco subir pela lateral e tocar para Juliano que toca de leve, a zaga afasta mal, Rafa recebe no meio, corta o marcador e chuta no canto para abrir o placar, belo gol do maior artilheiro em atividade do Retranca.

A alegria dura pouco, aos 21 minutos num lançamento pela direita, a zaga do Retranca se atrapalha e o adversário empata.

No intervalo o técnico Augusto conversa com os atletas para manter a mesma marcação, mas caprichar nas jogadas de ataque.

O Retranca volta para a segunda etapa mais concentrado, tem várias oportunidades mas não consegue o gol da vitória e com um novo empate, continua na sétima colocação com sua classificação sob risco. O adversário na penúltima rodada será a Argentina, briga direta pela classificação.

RETRANCA FC 1X1 TAMO JUNTO FC
Retranca FC: Paulo; Rafa, Zanatta e Alex; Batata, Ceará e Rafa; Juliano. Suplentes: Xilipoka e Gerson.
Gol: Rafa

segunda-feira, 2 de outubro de 2017

Retranca FC 4x0 Negritude FC


Dia histórico!
Com show de Marcelo, Retranca bate Negritude por 4x0 e pela primeira vez na história avanças ás Oitavas de Final do Campeonato Regional de Gaspar.
Marcelo e Claudinho ajudaram o Retranca a chegar na inédita fase das Oitavas de Final

Completo, a equipe do Retranca já no vestiário demonstrava concentração e uma união entre todos incrível. Em campo, Lucas; Rafa, Alex e Gui; Henrique, Ceará e Claudinho; Marcelo. Gerson, Xilipoka, Pontiolli, Mário e Batata eram os suplentes.

A partida começa com ambas as equipes se estudando e procurando entrar os pontos frágeis, o Retranca por sua vez tem certo trabalho com sua defesa no inicio de jogo, porém, trabalha bem os passes e chega com perigo no gol adversário.

Aos 16 minutos, Ceará recebe no meio, faz boa jogada e toda para Claudinho, que passa por um marcador e na linha de fundo encontra Rafa livre, que de primeira dá um belo toque para Marcelo que de letra marca um golaço, Retranca 1x0.

O Adversário sente o gol, aproveitando, aos 19 minutos Marcelo recebe livre e de frente pro gol isola, perdendo ótima oportunidade.

Aos 22 minutos, dessa vez o matador Marcelo não perdoa, recebe de Rafa e livre, gira e chuta forte para ampliar, Retranca 2x0.

No intervalo, os atletas conversam e pedem para continuarem concentrados na partida, pois vinham jogando bem e a classificação inédita estava próxima.

O Negritude até tenta uma reação no início da partida, mas Lucas faz uma bela defesa aos 5 minutos.

Aos 15 minutos, falta na entrada da área e boa chance para o Retranca ampliar, Claudinho cobra e a bola morre na gaveta, sem chances para o goleirão, Retranca 3x0 e a classificação ficava cada vez mais próxima.

Aos 17 minutos Claudinho faz linda jogada e rola para Marcelo livre apenas empurrar pro fundo do gol e fechar a conta, Retranca 4x0 Negritude e a inédita vaga para as Oitavas de Final, o adversário será o São Leopoldo.

RETRANCA FC 4X0 NEGRITUDE FC
Retranca FC: Lucas; Rafa, Alex e Gui; Henrique, Ceará e Claudinho; Marcelo. Suplentes: Gerson, Xilipoka, Pontiolli, Mário e Batata.
Gols: Marcelo (3) e Claudinho.